Notícias

Veja as novidades sobre a Mediação Imobiliária e alguns conselhos que poderá usar na altura de compra, aluguer ou venda do seu imóvel.

Imobiliário, o motor que mais está a gerar emprego em Portugal

A taxa de desemprego recuou para 7% em 2018, ano que ficou marcado por um aumento de pessoas empregadas em Portugal. A contribuir para este crescimento estão, também, profissões ligadas a atividades imobiliárias. Em sentido inverso encontram-se profissões relacionadas com o setor do turismo.

“No ano de 2018, a população empregada foi estimada em 4.866,7 mil pessoas e aumentou 2,3% em relação ao ano anterior (110,1 mil), prolongando o ciclo de aumentos iniciado em 2014”, revelou o Instituto Nacional de Estatística (INE).

A entidade adiantou ainda que a taxa de emprego (15 e mais anos) situou-se em 55% em 2018, tendo aumentado 1,3% em relação a 2017.

De acordo com as contas do ECO, o setor das atividades imobiliárias foi dos que mais contribuiu para este aumento, tendo empregado 48,3 mil pessoas em 2018, mais 12,2% que em 2017. “Este foi o setor com a maior subida de emprego, seguida da Administração Pública e Defesa, onde o número de trabalhadores aumentou em 8,8%, para um total de 322,6 mil pessoas”, escreve a publicação.

O mesmo não se verificou no setor do turismo, que já foi um dos principais motores de emprego no país e está agora em forte desaceleração. Segundo o ECO, o número de pessoas empregadas nas atividades de alojamento e restauração aumentou apenas 1,6% em 2018, para um total de 328,5 mil trabalhadores, quando em 2017 se tinha registado um crescimento de emprego neste setor de quase 16%.

Fonte ImoLeite: https://www.idealista.pt/news/financas/mercado-laboral/2019/02/07/38701-emprego-aumenta-em-portugal-a-boleia-do-setor-imobiliario (07.02.2019)

NÃO PERCA NENHUMA OPORTUNIDADE
Subscreva a nossa Newsletter
Subscreva!

CONTACTE-NOS