Notícias

Veja as novidades sobre a Mediação Imobiliária e alguns conselhos que poderá usar na altura de compra, aluguer ou venda do seu imóvel.

Casas pré-fabricadas: uma forma de repovoar as zonas devastadas pelos incêndios na Austrália

Dois irmãos fundaram a MillBuilt, a empresa que cria casas pré-fabricadas com o objetivo de repovoar as localidades mais afetadas pelos incêndios na Austrália.

O dia 7 de fevereiro de 2009 é uma data que permanece na memória coletiva da população da Austrália. Foi nesse sábado que enormes e violentos incêndios assolaram todo o país. Tal foi a magnitude e gravidade dos fogos, que esse dia é hoje recordado como “Sábado Negro”.

Nos dias que antecederam, as temperaturas subiram além dos 43ºC em muitas zonas do país. “A temperatura de Melbourne esteve três dias acima dos 43 graus e atingiu o seu pico dia 30 de janeiro registando 45,1 graus, sendo este um dos dias mais quentes alguma vez registados na cidade. Estas temperaturas combinadas com níveis de humidade extremamente baixos criaram condições favoráveis para que a floreste ardesse facilmente”, recorda o website do Museu Nacional da Austrália.

Contam-se 450.000 hectares de floresta ardida. O resultado dos incêndios foi devastador, apresentando inúmeros danos ambientais e materiais. Houve mesmo perdas humanas e, em várias zonas, o fogo chegou a engolir as casas e outros edifícios. Em consequência, vários locais ficaram despovoados.

Mais de uma década depois, dois irmãos começaram a desenvolver um projeto baseado em casas pré-fabricadas para ajudar a repovoar as áreas que foram despovoadas ou gravemente afetadas pelos incêndios. MillBuilt é o nome dado à empresa familiar. Os dois irmãos trabalham todos os dias para facilitar o repovoamento da área de Kinglake, uma pequena cidade no estado de Victoria.

A primeira encomenda que receberam foi para transformar um terreno baldio num espaço agradável para viver. Em apenas um mês, construíram esta fantástica casa pré-fabricada com três quartos em Yea, uma localidade que fica a cerca de 100 quilómetros a nordeste de Melbourne.

É numa antiga fábrica de madeira na floresta nacional de Toolangi, que esta nova empresa constrói as casas modulares. Neste caso, a casa foi construída na fábrica a partir de materiais reciclados, e depois foi deslocada e montada no local escolhido pela família.

Esta casa apresenta elementos de alta qualidade e inclui uma casa de banho em mosaico com banheira independente e, ainda, uma cozinha com bancadas em pedra e aparelhos em aço inoxidável. Sempre que possível foram utilizados materiais amigos do ambiente, como os pavimentos, paredes e tetos que foram todos feitos de madeira reciclada. Outro aspeto que tem sido tido em conta é a eficiência energética e a necessidade de reduzir o impacto da pegada de carbono na natureza.

Na sua tentativa de reduzir os preços e torná-la mais acessível, a empresa vai oferecer um leque limitado de modelos de casas, mas que podem ser personalizados. Este método de trabalho também reduzirá ao mínimo os períodos de espera.

As casas pré-fabricadas estão a tornar-se cada vez mais populares na Austrália e no estrangeiro à medida que aumenta a procura de construções rápidas e acessíveis. Este movimento a favor de casas pré-fabricadas não está isolado na Austrália. Pelo contrário, as previsões apontam para o aumento da procura nos próximos anos. Tudo indica que o mercado da construção de imóveis pré-fabricados deverá crescer rapidamente durante os próximos quatro anos, criando 20.000 empregos e contribuindo com 30 mil milhões de dólares para a economia do país até 2025, de acordo com dados fornecidos por vários analistas, tais como os da Mordor Intelligence.

 

Fonte ImoLeite: https://www.idealista.pt/news/imobiliario/internacional/2021/06/08/47647-casas-pre-fabricadas-uma-forma-de-repovoar-as-zonas-devastadas-pelos-incendios-na (11.06.2021)

NÃO PERCA NENHUMA OPORTUNIDADE
Subscreva a nossa Newsletter
Subscreva!

CONTACTE-NOS