Notícias

Veja as novidades sobre a Mediação Imobiliária e alguns conselhos que poderá usar na altura de compra, aluguer ou venda do seu imóvel.

A importância da orientação da casa: horas de sol para cada clima e estilo de vida

Fator importante, que muitas vezes passa despercebido, é crucial na hora de escolher uma casa, a par da localização, área, estado e preço.

Quando se procura uma casa, normalmente presta-se atenção à sua localização, à sua área, ao seu estado e – claro – ao seu preço. Mas há um fator importante que muitas vezes passa despercebido e que é crucial para saber quantas horas de sol a casa tem em cada altura do ano: a orientação.

Segundo Félix Bozal, consultor imobiliário de Biarritz Inmobiliaria, no idealista/tools, algumas orientações são mais aconselháveis do que outras, dependendo do clima e do estilo de vida de cada um. “Se não for trabalhar de manhã cedo, uma orientação oriental permitir-lhe-á ter uma casa ensolarada no início do dia, o que o ajudará a começar o dia em melhores condições. Por outro lado, se sair do trabalho às três horas, neste caso uma orientação ocidental proporcionar-lhe-á uma sala de estar solarenga e acolhedora para o Inverno”, explica.

Repensar a orientação da casa pode ser um bom exercício para descobrir qual é a melhor solução para cada caso:

Virado a norte. Se a casa estiver virada para norte, só se desfruta dos raios solares no verão, em concreto, no início da manhã e no final da tarde. Esta orientação é recomendada em zonas de clima quente durante a maior parte do ano. Se por exemplo a casa recebe o reflexo de outro edifício ou tem um espaço muito aberto, pode ser razoavelmente luminosa.
Orientação noroeste. O sol deverá brilhar até ao meio-dia durante a maior parte do ano, mas não no inverno. Por este motivo, não é recomendado para áreas frias.
Virado a Leste. É a melhor opção quando queremos começar o dia com uma casa ensolarada. Neste caso, a casa recebe os raios de sol quase todo o ano, desde o amanhecer até ao meio-dia. É uma opção a ter em conta se o imóvel estiver localizado numa zona quente.
Orientação para sudeste. Neste caso, a época com mais sol do ano é o inverno – desde antes do meio-dia até uma boa parte da tarde. No resto do ano, por outro lado, a exposição é reduzida. É uma das melhores orientações, uma vez que aquece a casa no inverno e não é muito quente no verão.
Virado a sul. O sol brilha durante o outono, inverno e primavera, enquanto no verão apenas nas horas centrais do dia, ou seja, quando está mais quente. E, por isso, é recomendado para locais onde faz bastante frio durante todo o ano.
Orientação sudoeste. Neste caso, o sol brilha do meio-dia ao pôr-do-sol na primavera, verão e outono, enquanto no inverno brilha a maior parte do dia.
Virado para o ocidente. Esta orientação é recomendada para climas moderadamente frios, pois a casa receberá sol quase todo o ano, desde o meio-dia até ao anoitecer, incluindo o verão.
Orientação noroeste. Entre a primavera e o outono, o sol brilhará sobre a casa durante toda a tarde até ao anoitecer, embora no inverno seja muito pouco tempo: só receberá os raios no final da tarde.

Fonte ImoLeite: https://www.idealista.pt/news/imobiliario/habitacao/2021/04/30/47165-a-importancia-da-orientacao-da-casa-horas-de-sol-para-cada-clima-e-estilo-de-vida#xts=582068&xtor=EPR-1059-%5Bnews_daily_20210430%5D-20210430-%5Bm-07-titular-node_47165%5D-162590@3 (30.04.2021)

NÃO PERCA NENHUMA OPORTUNIDADE
Subscreva a nossa Newsletter
Subscreva!

CONTACTE-NOS